conta coisas

www.lugarlotado@gmail.com

quinta-feira

estória curta de tempo

Havia o barulho dos carros.
Entre um sorvo de café e uma puxada demorada no cigarro, olhava a rua.
Na banda de lá, tudo era mais movimentado, talvez por ser mais largo, mais arejado ou simplesmente porque aquele não era o seu passeio.
As pessoas, apressadas, cruzavam-se. Algumas tocavam-se entre ombros, nunca se olhavam, raramente se desculpavam.
Uma bicicleta passou, rasante aos seus joelhos. Deixou largado, como quem deixa um bilhete apressado, um aroma adocicado. Só lhe viu o cabelo ainda molhado.
E um apito suou. Olhou para o cimo da rua, o amolador chegou. As janelas abriram e algumas donzelas esticaram o braço ao tempo e nenhuma se molhou. 
O eléctrico telintou, vinha cheio como de costume, ninguém o largou, nem ninguém o apanhou. A fila desmotivada, sem paciência e sem graça, nem protestou.
E deu mais dois goles no café. Inspirou, suspirou.
O barulho daquela rua, naquela cidade. Deu o toque da escola, acompanhada à sirene dos bombeiros. Era já meio-dia. Afinal não chovia. 
A criançada gritava, era hora da largada. 
Acabou na ponta caramelizada do cigarro, atirou-a à estrada. Olhou mais um pouco a rua, para cima, para baixo, esforçou a vista ao cimo da escadaria. Meia dúzia subia-a lenta e três dúzias a descia sem vagar. Tudo com ar pouco contente, talvez só dormente, quem sabe algum bem doente. Tudo tem causa no tempo. E não chovia.
Uma buzinadela levou, não teve tempo de ver quem foi o artista que passou. 
Desceu os olhos, sacudiu três cristais de açúcar aninhados no seu colo. Levantou-se, seguiu o estreito passeio, daquela rua.


" (...) porém eu procuro-te. Antes que a morte se aproxime, procuro-te. Nas ruas, nos barcos, na cama, com amor, com ódio, ao sol, à chuva, de noite de dia, triste, alegre, procuro-te." - Eugénio de Andrade

12 comentários:

Vício de Ti disse...

Está tão bonito :)

Está terno!

Eu diria e ... foi viver :)

Herculano Garrano disse...

Procuro-te...e encontrar-te-ei...e tudo será bom...beijos

Vénus S. disse...

Bonito! Eu diria que nos levaste a viajar pela rua estreita do tempo, através do teu observar. :)

Kiss

Imprópriaparaconsumo disse...

Lindo! :)) levamos uma vida inteira a procurar. As vezes, só as vezes, basta levantar a cabeça do passeio :)
Beijos bons :)

Ly Sussurro disse...

lindo....
um sussurro

lugar lotado disse...

Vício obrigada,

saudades de te ver...

Beijo

lugar lotado disse...

Herculano que me encontres para o bem.

Beijo

lugar lotado disse...

Vénus, obrigada. Sim eu observo tanto, mas tanto que tenho de "despejar"!

Beijo em ti

lugar lotado disse...

Imprópria espero em breve encontrar e ter um pouco de PAZ.

Beijo muito doce em ti

lugar lotado disse...

Ly Sussurro, obrigada linda!

Beijo terno em ti

MissM disse...

Buscamos, numa procura insessante, observar tudo, absorver tudo, mas são por vezes pequenos detalhes que realmente nos fazem ver.
Adorei ...
Beijo

lugar lotado disse...

Miss M, tão bom ver-te por aqui (gosto mesmo)

Obrigada e beijinho.