conta coisas

www.lugarlotado@gmail.com

quarta-feira

quem é o amanhã?




e se depois do amanhã tudo falhar?

dois rostos descontrolados pela dor se esbarrarão contra uma parede velha. sem corrector de feridas graves, as rugas se acentuarão.

os olhos, que foram cortinas sadias e translúcidas, rasgarão ao simples sopro de um meigo vento.
as peles, embaçarão ao primeiro raio de luz.
os sorrisos, fugirão para outras caras onde encontrem por quem reine nova magia.

e as vozes? as vozes... correrão para junto das multidões que se manifestam em desagrado.
os pensamentos, refugiar-se-ão em cavernas nunca descobertas.
os sonhos, esses, fingem que nunca aconteceram.

depois, pensarão quem eram aqueles que os acompanharam.
desfeitos, propõem-se ao abandono dos seus relógios. deixando-os em repouso sobre a escrivaninha dos textos da fantasia e abandonarão a ideia de lhes voltar a dar corda.

por enquanto, entregam-se ao momento e deixam-se confundir num NÓS.
o que lhes corre nas veias, na cabeça, na pele, será livre, lá, no sítio do dia onde viverão o momento da vida que é o agora...

3 comentários:

Faith is my name disse...

"Ontem" passou e já não volta.
"Amanhã"? ... Não sei se existe.
Para mim só conta o "Agora", é onde vivo.

Agora beijo-te.

eusouassim disse...

O amanhã não está escrito. Apenas o será no momento. E o momento será mesmo sempre o mais importante.

Beijos

Imprópriaparaconsumo disse...

Se depois de amanhã tudo falhar, resta voltar a tentar :)
beijos doces :)